sexta-feira, julho 10, 2009

Quem és tu!?




Ah.... Como se chamas? Como és?

Criador de meu sentimento... Face branca de cabelos castanhos...

Ser que faz a minha noite decolar. Meus desejos se apurar...

Quem és tu? Que me rouba o sono.

Quem és tu? Que me faz perder no meio de meus sentimentos.

Quem és tu?

Meu corpo se junta ao seu, suspiros por todos os poros. É para se alucinar.



Mas... Como posso descrevê-lo?
Não a palavras, os suspiros se imortalizaram, o desejo sem fim me corroeu.
Seus lábios junto aos meus, lembranças, momentos, sorrisos, abraços. Por fim, um sentimento.
O sentido se perdeu, um caminho foi escolhido. E o resto? O resto não existe.

O mundo para aqui, entre eu e você, nossas almas se encontram, o paladar se apura, a percepção aumenta, e por fim, o olhar. Olhar de algo superior, de algo digno de ser visto, o olhar do amor.


A primeira vista éramos anônimos qualquer, sem motivo ou razão.

Tempos se passaram, e você se sentou ao meu lado e viemos a conversar horas se passavam. Passaram-se meses, já não conseguia mais esconder de você o que se passava dentro de mim.. Foi quando eu o beijei. Ficaste sem reação, confuso por um longo tempo.


Quanto tempo passou para que pudéssemos nos encontrar aqui? Um diante ao outro. Quantas coisas tivemos que enfrentar? Quantas vezes caímos? Isto já não importa.


O passado não importa mais, o que somos no presente, já é bem maior do que o passado, mas pequeno em comparação ao nosso futuro.



Geórgia Carone


3 comentários:

Sebastian disse...

:) Very nice your blogger. Congratulations! You go far! :)

Arthur disse...

Meu amorzinho perfeito *.*

(L) :D

Juuh disse...

que lindo Joh...meus olhos se enxeram de lagrimas... *nem to de brinks